A nova marca de biocombustíveis foi concebida no objetivo maior de contribuir para a qualificação da agricultura brasileira como fonte de energia verde.

A partir de agora, a produção vai levar a marca CameraQ+, como forma de apontar que a produção traz em seu conceito a qualidade desde sua origem.

O biodiesel da Camera, que tem sua usina na cidade de Ijuí e outras unidades no estado, vem sendo produzido com matéria prima fornecida da Agricultura Familiar.

O produto, além de ser comercializado através dos leilões regulares da Petrobrás, abastece também a frota de 1.800 ônibus da cidade de São Paulo, através do programa EcoFrota.

Conforme o gerente de Divisão Industrial da Camera, o engenheiro químico Marcelo Landa Cardoso, o processo de produção atende normas americana e européia.

Já, o gerente da Unidade de Negócios de Biodiesel, João Artur Manjabosco, explica que com a entrada da Camera no mundo dos biocombustíveis, sentiu-se a necessidade de evidenciar-se a marca, por isso da criação da CameraQ+.

Fonte: Jornal Noroeste