O prefeito Orlando Desconsi deve assinar ainda hoje o Decreto de Situação de Emergência devido os prejuízos causados pela estiagem.

O decreto é diferente daquele assinado na segunda-feira à tarde em função dos prejuízos causados pelo temporal de granizo.

Segundo dados da própria prefeitura, os prejuízos são estimados em 22 milhões e 800 mil reais na agricultura e pecuária do município.

Os indicativos apontam para perdas que afetam diretamente cerca de 1.800 agricultores.

O balanço foi elaborado pela Secretaria Municipal de Agricultura, em trabalho conjunto com as cooperativas, Emater e Sindicato dos Trabalhadores Rurais.

Já há falta de água em algumas áreas rurais, e na Linha 13 de Maio Norte as propriedades estão sendo abastecidas todos os dias pela prefeitura.

Fonte: Jornal Noroeste