A AGCO do Brasil vai investir R$ 65 milhões na fábrica de Santa Rosa.

O anúncio foi feito nesta quarta-feira por Martin Richenhagen presidente-executivo global da multinacional, que confirmou um investimento de R$ 100 milhões na modernização e ampliação de três de suas quatro unidades de produção no Brasil entre 2011 e 2012.

Na unidade de produção de pulverizadores em Canoas, o investimento será de R$ 10 milhões.

A outra fábrica a receber melhorias será a de Mogi das Cruzes, interior de São Paulo, onde serão aplicados R$ 25 milhões.

Segundo Martin Richenhagen, os investimentos para ampliar e reformular a capacidade de produção da companhia são destinados a manter a posição de mercado da companhia no Brasil.

O anúncio ocorreu em uma coletiva realizada em São Paulo, após a compra pela AGCO da multinacional do setor de armazenagem e equipamentos para o setor de carnes GSI Holdings, por 940 milhões de dólares.

Apesar de registrar um crescimento mais lento na venda de tratores este ano na América do Sul, especialmente no Brasil, a Agco está otimista em relação às comercializações de colheitadeiras. Segundo André Carioba, vice-presidente sênior da Agco na América do Sul, de janeiro a setembro as vendas de tratores recuaram 10% no Brasil, enquanto as colheitadeiras registraram alta de 9% no período.

Fonte: Jornal Noroeste