A agência local da Caixa Econômica Federal liberou R$ 30,6 milhões em projetos habitacionais, um crescimento de 50% comparado ao exercício anterior. O crescimento está vinculado ao lançamento do Programa Minha Casa Minha Vida.

“Para 2010 a tendência é manter o crescimento e superando R$ 35 milhões, já que muitos empreendimentos elaborados no ano passado entrarão na contabilidade deste ano”, projeta o gerente Jair Kieling. Foram 440 contratos firmados exclusivamente em Santa Rosa, dos quais cerca de 65% imóveis novos e o restante a compra de imóveis usados.

Kieling chama a atenção para um aspecto interessante: “temos muitos casos onde o financiamento já está aprovado há mais de quatro meses, mas o mutuário não iniciou a execução por falta de mão-de-obra disponível”. Observou que dinheiro tem sobra para quem pretende financiar a casa própria.

Fonte: Jornal Noroeste